domingo, 29 de maio de 2011

Se eu pudesse



Ah se eu pudesse acabar com a tristeza do mundo
Levar amor ao mais escuro submundo 
Ah se eu pudesse levar paz pro lado da discórdia
Levar o perdão aos que vivem aflitos na espera da vingança
Ah se eu pudesse fazer brotar sorriso embaixo da lágrima de quem chorou
Levar satisfação aos que frustraram-se olhando no espelho
Ah se eu pudesse cantar pra todos ouvirem o meu canto de paz
Levar uma flor no lugar de bombas e armas
Ah se eu pudesse levar garantia do alimento do corpo e da alma
Do arroz com feijão e da peça, da canção
Ah se eu pudesse abraçar o mundo
Levar fé ao enfermo em agonia 
Ah se eu pudesse entregar esperança em uma caixinha
Dormir tranquila sem ter medo do meu semelhante
Ah se eu pudesse, se eu pudesse sozinha curar todos os males
Sem precisar da ajuda de todos.
Junta tuas mãos as minhas e vamos dar as mãos
Não esqueça que sozinho ninguém muda todo o mundo.
                               
Salvar com paz e mais alma do que bens materiais.

4 comentários:

PauloSilva disse...

Cada um pode fazer a sua parte e mudar assim um pouco. Dando as mãos, muito se muda. ADOREI!

A.S. disse...

Ah!... se eu pudesse!
Sim, vamos dar as mãos. O Mundo precisa de todos nós...


Beijos!
AL

PauloSilva disse...

Muito obrigado, simpática :)
Beijo *

Robson Araújo disse...

belos versos

se possível, visite meu blog

www.semente-terra.blogspot.com